Velamar22
Velamar22
Principal
Notícias
Fórum
Fotos
Vídeos
Classificados e Tripulantes
Contato
Procurar
A Classe
Estatuto
Administração
Circulares
Atas
História da Praiana
Desenhos V22
Flotilha Rio
Flotilha Brasília
Regatas
Calendário
Av/Inst Regatas
Resultados
Ranking
Regulamento
Arquivo 2016
Arquivo 2015
Arquivo 2014
Arquivo 2013
Arquivo 2012
Arquivo 2011
Arquivo 2010
Arquivo 2009
Arquivo 2008
Arquivo 2007
RSS Velamar22
spacer
Regata Preben Schmidt - Encerramento de um ano de ótimas velejadas PDF Imprimir E-mail
Por Ricardo Timotheo   
27 de dezembro de 2013

Foto:Fred Hoffmann

Com aproximadamente 60 dias para realização da regata, o Marcelo confirmou que velejaríamos juntos a última do ano.

Fechado, respondi. Chegando a data, hora de escalar a tripulação, entendi que a família Gilaberte, com exceção do Leonardo, viria toda: Marcelo, Lúcia, Lucas e Marcelle. Achei ótimo e convoquei Lilica também. Velejaríamos em família. Com isso, o Tropeço sobrou, e foi velejar no Ângela Star.

Dia da regata. Chegamos eu e Marcelo mais cedo ao clube e armamos o barco para a largada às 12h. Tudo arrumado, fomos fazer aquele “lanchinho tradicional”, acompanhado de uma gelada. Papo vai, papo vem, pergunto ao Marcelo: cadê Lúcia? Só vem mais tarde, para o almoço, foi a resposta. Quase pirei! Só tínhamos nós dois, pois Lilica também não viria, e seria pouco peso para o vento previsto. Cata daqui e dali, já não restava quase ninguém no clube, todos n’água! Fomos descer o barco também. No caminho encontramos o Francisco, mergulhador que ajuda a galera limpando o fundo dos barcos.

Imediatamente o Chico recebeu um convite/intimação e embarcou. Se fôssemos piratas seria daqueles casos de dar um porre no cara que só acordaria em alto mar. Beleza. Fomos para raia. Lotados de “lanches”, afinal, esperava muitos tripulantes e a regata era longa, até à ilha da Mãe.

Dada a largada, – partimos atrasados – o Baruk colocou logo o spinnaker e assumiu a ponta. Tenteamos um pouco até que não deu mais, o Baruk abria muito. Jogamos nosso balão também. Não recuperamos, mas também não ficamos para trás, até que na manobra de retirada do balão, pra pegar o vento de orça que vinha de fora da barra, surpreendemos o Baruk e fizemos a ultrapassagem, para não mais perder a liderança. Fomos com prudência, defendendo da maré, do vento, e das ondulações, todos contrários, levando o barco soltinho, “smoothly”, se é que existe o termo, fazendo muita festa a bordo, principalmente pela estreia do Francisco. Conseguimos dar cabo de grande parte do estoque de “iguarias” no longo popa de volta.  

Chegamos em aproximadamente 3h30m com sensação de que ganháramos, mas regata de bico de proa com várias classes juntas, só se sabe o vencedor depois de divulgado o resultado. Havia um fast 23, o Mixuruca em nossa frente e...

Entrega de prêmios. Terceiro lugar bico de proa A (nossa categoria) Baruk! Pensei: não deu, mas foi muito bom! Fomos rápidos... Segundo lugar: Smooth, lá fomos nós! Aquela festa toda, cumprimentos e tal, eis que o Marcelo tem a curiosidade de perguntar ao Lars: - quem foi o primeiro? - o Just’n time! 

No que falei: aí não pode! O Just’n time é o Lightining do Gutinho que não velejou! O barco nem está no clube, mas na casa do nosso amigo, que havia feito uma inscrição proforma, para participar da feijoada. Sabia disso, pois cheguei a convidá-lo a ir conosco quando soube que a família Gilaberte não velejaria. 

Imediatamente os organizadores providenciaram a reparação, passando o Baruk ao segundo e o Focus para o terceiro lugar. Tivemos, portanto, três V22 nas primeiras colocações da categoria A (bico de proa até 23.99’). 

Foi excelente!
Esperando que nos encontremos dia 31 nos fogos do réveillon, desejo que em 2014 tenhamos uma ótima temporada, com muito bons ventos a todos!

Ricardo

< Anterior   Próximo >

 

 

Advertisement

 

Copyright 2000 - 2005 Miro International Pty Ltd. All rights reserved.
Mambo é um Software Livre liberado sob a licença GNU/GPL.
Tradução e Suporte MamboBrasil.org
spacer